E COMO OUVIRÃO, SE NÃO HÁ QUEM PREGUE?

 

1 – Querida Igreja, a Palavra de Deus nos diz: Se, com a tua boca, confessares ao Senhor Jesus e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dos mortos, serás salvo.

 

2 – Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.

 

3 – Porque a Escritura diz: Todo aquele que nele crer não será confundido. Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.

 

4 – Como, pois, invocarão aquele em quem não creram?

 

5 – E como crerão naquele de quem não ouviram?

 

6 – E como ouvirão, se não há quem pregue?

 

7 – E como pregarão, se não forem enviados?

 

8 – Mas Jesus já enviou a sua Igreja dizendo:

 

Todos: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.

 

1,2 – Não ouves?

 

3,4 – Não vês?

 

5,6 – Não sentes?

 

7,8 – As almas estão morrendo aos milhares e o fim está próximo!

 

Todos: Como podes ficar parado diante de tão grave situação?

 

1 – O mundo hoje tem uma população de mais de seis bilhões de pessoas.

 

2 – Desses, cerca de 60% nunca ouviram falar de Jesus.

 

3 – De todas as línguas do mundo, 62% não têm nada traduzido da Bíblia!

 

4 – Se todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo, como essas pessoas serão salvas?

 

5 – Não podem invocar aquele em quem não creram!

 

6 – A responsabilidade está sobre os ombros da Igreja, sobre os meus, sobre os teus ombros!

 

7 – Eis que a vinda do Senhor se aproxima a cada dia.

 

8 – O tempo passa velozmente e não há mais tempo para ficar parado!

 

Todos: Cristo conta comigo e contigo para levar adiante esta obra!

 

1 – E você não precisa pensar apenas naqueles que estão do outro lado do mundo.

 

2 – O Espírito Santo te convida a pensar nos vizinhos que estão ao teu lado

 

3 – O que tens feito para que eles cheguem ao pelo conhecimento da verdade?

 

4 – Como ouvirão se não há quem pregue?

 

5 – Quantas almas têm descido ao inferno, sem Deus, sem paz e sem salvação, enquanto estamos dormindo no sono da indolência?

 

6 – Eles clamam e nós não ouvimos:

 

1, 3, 5 e 7 – Queremos ser salvos! Queremos ser salvos! Queremos ser salvos! (*)

 

8 – Precisamos despertar e ouvir o clamor desse mundo confuso e aflito que clama por salvação.

 

Todos: Pois para isso Cristo veio ao mundo: Para salvar os pecadores!

 

1,2 – Cristo te convida hoje a entrar na fileira dos trabalhadores!

 

3,4 – O inimigo está à espreita, querendo parar a obra, mas o Espírito Santo está ao nosso lado!

 

5,6 – Devemos manter os olhos espirituais abertos, pois cada convite do inimigo é um laço armado para nos tirar da obra!

 

7,8 – Não se deixe enganar! Quando estás quieto, descansando ou dando prioridade aos prazeres carnais, estás aceitando um convite do inimigo e com isso, a obra de Deus sofre!

 

1 – Se tu não falares a Palavra, como serão salvos os drogados?

 

2 – Os ricos perturbados e desesperados?

 

3 – Os pobres famintos e embriagados?

 

4 – Os ladrões dentro e fora dos presídios?

 

5 – Os enfermos em casa e nos hospitais?

 

6 – Os adolescentes perdidos?

 

7 – Os religiosos enganados?

 

8 – Quem? Quem irá a estas pessoas mostrando o caminho da salvação?

 

Todos: Esta responsabilidade não ficou para os anjos, mas ficou para a Igreja do Senhor, o Grande Exército de Deus na terra. E se tu estás alistado neste exército, não podes ficar parado!

 

1 – E esta Campanha Evangelizadora não tem ficado quieta!

 

2 – Temos levado a palavra do Senhor a todos os perdidos!

 

3 – _____ anos em que trabalhamos incansavelmente na obra do Senhor!

 

4 – Durante estes _____ anos temos cumprido a ordem do Senhor que nos diz:

 

5 – Trabalhai enquanto é dia: a noite vem, quando não se pode mais trabalhar!

 

6 – Pregando a Palavra em tempo e fora de tempo!

 

7 – Eis que o vem Justo Juiz e Ele retribuirá a cada um segundo as suas obras!

 

8 – Dispõe-te hoje, agora!  Vem atender o apelo de milhões que descem ao abismo sem salvação. Pois...

 

Todos: Como invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem não ouviram? E como ouvirão, se não há quem pregue? Eis-me aqui, Senhor, envia-me a mim!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios.

Sua dedicação – a garantia de sua participação. Sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!

 

(*) – Nessa parte, 1,3,5 e 7 viram-se para 2,4,6 e 8, como se estivessem clamando, mas eles não dão ouvidos.