ABRE, SENHOR, OS MEUS LÁBIOS, E A MINHA BOCA ENTOARÁ O TEU LOUVOR.

 

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

 

1 – Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto.

 

2 – Purifica-me com hissope, e ficarei puro; lava-me, e ficarei mais branco do que a neve.

 

3 – Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que gozem os ossos que tu quebraste.

 

4 – Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.

 

5 – Viva a minha alma, para louvar-te; ajudem-me os teus juízos.

 

6 – Aceita, eu te rogo, as oferendas voluntárias da minha boca, ó SENHOR; ensina-me os teus juízos.

 

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

 

1 – Hoje é dia de vitória, é dia de agradecimento!

 

2 – Neste dia, os nossos lábios estão abertos em louvor e gratidão ao nosso Deus!

 

3 – Por mais este ano de lutas, mas também de muitas vitórias!

 

4 – Durante este ano, muitas vezes estivemos tristes e angustiados.

 

5 – Muitas vezes, nossos lábios estiveram fechados, pois não víamos condições de louvar ao Senhor.

 

6 – E por isso, muitas vezes nossa alma exclamava:

 

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

 

1 – Assim como nós, Ana também passou muito tempo com seus lábios fechados!

 

2 – Quantas vezes ela foi oprimida por Penina, sua rival!

 

3 – Esta zombava e irritava a Ana por ela ser estéril e sua angústia era tanta que ela muitas vezes nem queria alimentar-se.

 

4 – Mas um dia, Ana entrou no tabernáculo e derramou a sua queixa perante o Senhor e Deus respondeu a sua oração!

 

5 – E enfim, seus lábios se abriram e ela pôde cantar dizendo: O meu coração exulta ao SENHOR, o meu poder está exaltado no SENHOR; a minha boca se dilatou sobre os meus inimigos, porquanto me alegro na tua salvação

 

6 – O arco dos fortes foi quebrado, e os que tropeçavam foram cingidos de força. Levanta o pobre do pó, e desde o monturo exalta o necessitado, para fazê-lo assentar entre os príncipes, para fazê-lo herdar o trono de glória.

 

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

 

1 – Quando os lábios do crente estão abertos, ele só canta vitória!

 

2 – Quando os filhos de Israel vieram a desviar-se do Senhor, ele os entregou nas mãos do rei de Canaã.

 

3 – Mas eles se converteram e clamaram ao Senhor e Deus os ouviu, levantando Débora, mulher profetisa e juíza em Israel naqueles dias!

 

4 – E o Senhor derrotou a Sísera, a todos os seus carros e todo o exército diante dos filhos de Israel! E Débora entoou um cântico de louvor ao Senhor!

 

5 – O inimigo tem se levantado para impedir a tua vitória? Louva ao Senhor, pois ele vai marchando adiante de ti! Os montes tremerão na sua presença e o inimigo será desbaratado!

 

6 – Abre os teus lábios, Igreja, e entoa um cântico! Pois do céu, os anjos do Senhor pelejarão por ti e na terra, até os ribeiros arrastarão os teus inimigos, pois o Senhor dos Exércitos é o teu Deus, o teu louvor e a tua vitória!

 

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

 

1 – E porque os nossos lábios estão abertos em louvor, nenhum inimigo sustem-se de pé na frente dos escolhidos do Senhor!

 

2 – Deus faz assim na vida de Davi e faz na minha e na tua também.

 

3 – Davi foi perseguido e quase morto por Saul, foi rejeitado por seus irmãos após ser ungido rei, foi desprezado por Golias quando saiu a lutar contra ele, mas nenhum desses ficou de pé, pois Davi confiava no Senhor!

 

4 – Por isso, Davi pôde cantar quando Deus o livrou das mãos dos seus inimigos:

 

5 – "O SENHOR, digno de louvor, invocarei, e de meus inimigos ficarei livre. Vive o SENHOR, e bendito seja o meu rochedo; e exaltado seja Deus, a rocha da minha salvação. Por isso, ó SENHOR, te louvarei entre os gentios, e entoarei louvores ao teu nome."

 

6 – E nós louvamos ao Senhor Jesus, que nos tem mantido de pé durante esses ____ anos! Quantas barreiras se levantaram, mas por sua grande fidelidade, Ele tem nos dado livramento, tem nos dado vitória, tem nos dado força para louvar o seu santo e excelso nome!

 

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

 

1 – E este _____________________________, prossegue nesta jornada louvando assim como o fez Moisés!

 

2 – Assim como Débora louvou ao Senhor depois daquela grande vitória, louvamos também, pois Deus se agrada do nosso louvor!

 

3 – Assim como Ana louvou, louvamos ao Senhor também e o Arco dos Fortes é quebrado

 

4 – Louva a Deus como Paulo e Silas e verás os cárceres serem abalados!

 

5 – Se os teus inimigos se levantarem contra ti, faze como Josafá: Põe-te a louvar a Deus e eles serão desbaratados!

 

6 – E nós te louvamos, Senhor, nós te glorificamos por tudo quanto tens feito por nós. E com alegria dizemos:

 

Todos: Senhor, tu tens aberto os nossos lábios e hoje, a ti entoamos louvor!

 

 

 

 

 

Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios: a sua dedicação é muito importante!

Sua dedicação – a garantia da sua participação; sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!

www.jograis.oi.com.br